Comportamento

Como alisar o cabelo sem prejudicá-lo

By  | 

Uma das melhores técnicas para mudar o look é o alisamento das madeixas. Aliás, dar uma mudada no visual é tão bom quanto investir num guarda-roupa novo ou até mesmo curtir aquele dia de beleza no salão.

Tudo para que nossa autoestima fique sempre renovada. Entretanto, o uso de secadores e até das clássicas chapinhas pode danificar os fios. Isso porque  conquistar o liso perfeito requer vários cuidados.  

Enfim, a partir de agora você pode ficar calma. Afinal, o artigo a seguir vai apresentar algumas dicas, informações e ideias para você saber como alisar o cabelo sem prejudicá-lo.

A evolução das técnicas de alisamento

Ao longo das últimas décadas, as técnicas dos processos de alisamento evoluíram continuamente. Tudo para que suas madeixas fiquem mais protegidas e que o processo seja meno nocivo ao couro cabeludo e aos próprios fios. Como simples exemplo, saiba que  o uso de formol já foi abandonado por qualquer cabeleireiro profissional. 

O investimento em produtos naturais

Assim como o formol saiu dos salões de beleza, até mesmo os próprios clientes já estão mais conscientes sobre o emprego de produtos naturais e menos agressivos em procedimentos estéticos. Nesse sentido, tem sido popular a propagação de produtos como as escovas de flores e as escovas indianas.

Uma das grandes dicas para manter um alisamento saudável e perfeito, elas chegam a durar cerca de dois meses. No caso da indiana, ainda há uma ação hidratante que garante um look liso e de textura reluzente.

Além do mais, certos produtos modernos específicos para uma escovação diária chegam a reduz o volume em até 70%.

Enfim, além de você contratar apenas serviços de profissionais, nossa dica é investir apenas em produtos naturais e de marcas renomadas do mercado. Assim, você elimina riscos à sua saúde e ainda fica deslumbrante para qualquer ocasião.

Dicas caseiras para alisar o cabelo sem prejudicá-lo

Alisar o cabelo em casa

Se você quer investir em procedimentos caseiros, confira a seguir algumas dicas básicas para usar a chapinha e alisar seus fios com segurança e no conforto da sua casa.

Cuidados com o brilho

Em primeiro lugar, saiba que o uso de chapinha ou escovas alisadoras regularmente pode levar seus fios a perderem o brilho natural. 

Assim sendo, para evitar essa perda, procure investir na aplicação de xampus e condicionadores adequados para suas madeixas. Sem contar que, além de garantir esse brilho saudável e lindo, algumas marcas também garantem a eliminação do frizz. Por isso, vale a pena pesquisar sobre quais são as melhores escovas alisadoras e chapinhas que existem mercado para tratar bem seu cabelo.

Fique de olho na temperatura

Ao certo, sabemos que nem todos os tipos de fios precisam ser alisados numa mesma temperatura. Nesse sentido, caso suas madeixas sejam mais finas, evite o excesso de calor. Por outro lado, para quem tem os fios grossos, a presença de mais calor vai demandar apenas um tempinho extra.

Cuidados pós-alisamento

Em relação a uma proteção que visa um alisamento mais duradouro, fique de olho nesta dica. Afinal, não é impossível que você queime suas madeixas ao investir na chapinha caseira. No entanto, para diminuir qualquer dano invista na aplicação de cremes específicos e a ajuda de uma proteção térmica adequada.

Métodos para alisar o cabelo sem prejudicá-lo

Nos dias de hoje, você pode encontrar várias técnicas para alisar seus cabelos. Assim, para ajudar você nessa escolha, confira a seguir alguns dos mais populares métodos.

A escova inteligente

A questão aqui é manter seus fios sempre lisos, mas sem perder aquele look natural. Aliás, essa dica é menos agressiva que a técnica da escova definitiva. Ou seja, ela  pode até ser realizada em madeixas que passam por tratamento químico. 

Sem contar que você não precisa nem prender os cabelos ou aguardar alguns dias para lavá-los. Em suma, a escova inteligente ajuda a hidratar, a controlar o frizz e ainda a reduzir o volume. Aliás, dependendo do seu tipo de cabelo, o efeito final pode durar até cinco meses.

Botox capilar

Nesta dica, a missão é garantir menos volume e frizz, assim como muito mais hidratação. Ainda vale salientar que o botox capilar contribui para melhorar a questão do brilho natural e a eliminação das pontas duplas.

Além do mais, a técnica não agride seus fios, o que consolida seu sucesso em salões pelo Brasil afora. Enfim, com o botox capilar você pode repor os nutrientes eliminados após o uso de produtos químicos, a ação do tempo e a cada lavagem.

Escova progressiva

Nesta opção, a função é investir numa técnica que garante menos volume a cada aplicação. Em outras palavras, a cada sessão de alisamento você vai sentir menos volume. Nesse sentido, ela é indicada tanto para você que quer alisar as madeixas quanto para quem tem fios muito cacheados, difíceis de domar ou até mesmo possui cabelos crespos. Enfim, su_highlight background=”#ae2a93″ color=”#ffffff”]a técnica apresenta ótimos resultados a partir de três meses de tratamento.[/su_highlight]

Cauterização com queratina

Se você procura dar uma nova vida para seus fios danificados, a cauterização com queratina é a pedida certa. Afinal, ela é muito indicada para cabelos quebradiços e danificados, como os de quem passa regularmente por tratamentos químicos.

Cauterização com queratina

Em linhas gerais, a técnica ajuda a recuperar a massa capilar ao devolver a elasticidade dos fios e a maciez natural. Assim você ainda consegue evitar o efeito frizz, recupera aquele belo efeito liso e reconstrói toda a estrutura já danificada pelas químicas.

No entanto, vale salientar que seus resultados não são definitivos, visto que até a manutenção dos fios varia de cabelo para cabelo. Ou seja, no caso de cabelos ressecados demais eles podem ser tratados a cada duas semanas. No caso de fios danificados demais, ela pode ser feita apenas uma vez por semana.

Escova definitiva

Para fechar nosso artigo sobre como alisar o cabelo sem prejudicá-lo, aqui está uma dica que visa dar a você um belo efeito liso, mesmo após diversas lavagens. Aliás,  o diferencial desse tipo de escova é seu efeito duradouro. 

Afinal, a técnica tende a empregar apenas produtos e componentes que agem na estrutura interna dos cabelos.

No entanto, vale lembrar que o método apenas apresenta efeito garantido por um período de até seis meses.

Em alguns casos, ele pode ter resultados mais eficientes e duradouros se a raiz do seu cabelo já for bem lisinha. De qualquer forma, esse tipo de escova atua no interior das fibras capilares. Assim, procure manter suas madeixas sempre muito bem hidratadas antes de qualquer sessão!