Comportamento

Slow fashion e consumo consciente

By  | 

Conheça os benefícios  do consumo consciente e conheça o movimento Slow fashion

Hoje preparei um post com um assunto muito importante que acredito que, daqui a alguns anos, todos nós teremos mais consciência. Vamos falar de Slow fashion e consumo consciente. Quem quiser saber um pouco mais sobre o Slow Fashion, clique aqui para ver um texto que fiz a algum tempinho atrás falando exclusivamente sobre o movimento.

Enfim, nesse texto agora irei falar um pouco sobre a relação do Slow fashion (moda devagar em tradução livre) com o consumo consciente. Antes de tudo, é necessário frisar que a moda slow só existe por conta de outro fenômeno, o fast fashion (moda rápida). Falo isso, pois estou estudando sobre o assunto e foi possível analisar que um modelo não se sustenta sem o outro. Basicamente, só estamos tendo uma preocupação maior em fazer uma “moda devagar” por conta dos impactos sociais e ambientais que a “moda rápida” vem trazendo. 

Slow fashion e consumo consciente - 2

Tendo isso esclarecido, podemos perceber que a moda slow se preocupa em manter uma identidade que reflete cuidados com o meio ambiente e com a responsabilidade social. Além de estimular o comércio e o consumo consciente e ético, coisa que ultimamente está sendo um grande desafio.

Isso ocorre, pois apesar de haver diversas marcas que estão surgindo se baseando nesse modelo, ainda existem inúmeras empresas que usam de suas propagandas e grande influencia para manter a lógica do consumo desenfreado. Claro que este cenário, bem aos poucos, está mudando, pois hoje é possível ter acesso a informações que nos revelam as consequências das ações da indústria. Para vocês entenderem um pouco melhor, separei alguns tópicos com valores básicos do Slow fashion, entenda: 

Visão geral 

A visão geral que eu posso começar a passar para você é a de que escolhas inteligentes geram resultados inteligentes. Isso se aplica em todos os âmbitos da nossa vida, inclusive no meio ambiente e no mundo que deixaremos para a próxima geração. O Slow Fashion incentiva você a gerar impactos positivos.

 

O consumo 

Se realizarmos um comparativo dos anos 90 com o que estamos vivendo, já podemos perceber que antigamente a preocupação com consumo desenfreado era algo a ser incentivando pelas publicidades em todos os veículos de comunicação. Hoje em dia ainda temos muito que melhorar, confesso, mas o conceito de Slow Fashion vai na contra-mão do consumo desenfreado, pois ele tem como propósito diminuir diversos impactos. 

Slow fashion e consumo consciente - 1

A preocupação vai muito além somente do consumo. Engloba também a qualidade e melhoria do tempo e das condições de trabalho dos profissionais do setor, o que gera um ciclo saudável em vários aspectos.

Manter a qualidade, a estética e o cuidado

Uma das consequências da moda em larga escala é a depreciação da qualidade usada nas confecções das peças. Entretanto no conceito Slow fashion há a escolha de tecidos de qualidade, cortes estrategicamente pensados e a criação versátil que tornam ainda maior a durabilidade das peças. Ao que tudo indica, o conceito traz consigo a prestação de serviços para ajudar na conservação dos looks.

Slow fashion e consumo consciente - 3

 

Relacionamentos 

Um dos pontos-chave do Slow Fashion está justamente no envolvimento entre a equipe, isso desde quem cria as ideias e o conceito até aos produtores e por fim consumidores. Esse laço e a construção de relacionamento fazem parte da política desse conceito.

Essa tendência no mundo da moda só nos prova o quão antenado e preocupado com o meio ambiente e com o nosso futuro o mercado está. Para que a nossa parte seja feita, nada melhor do que entender os conceitos acima e definir mais critérios na hora de confiar em uma marca. 

Se você gostou de saber um pouco mais sobre o assunto,  continue acompanhando nossas publicações. Estamos sempre buscando informações da atualidade para você ficar por dentro de tudo.

Gostou? Deixe seu comentário!