Comportamento

Sapatos: Como comprar

By  | 

Um pouco sobre os sapatos

Os sapatos são itens indispensáveis no guarda-roupa, isso é fato, aliás, não existe a possibilidade de sair descalça na rua. Pensando nisso, achei interessante fazer um post para falar um pouco mais a respeito deles, pois são itens normalmente caros e adquiridos em maiores quantidades. Portanto, será que é possível comprar sapatos bonitos sem gastar muito dinheiro?

A resposta é: depende, pois devemos ser sinceras, comprar sapatos não é muito em conta, mas é uma compra necessária e que se pararmos para pensar e analisar as opções é possível diminuir o custo e ainda ficar satisfeita com a compra. Como isso é possível? Pensando em três simples palavras: necessidade, utilidade e qualidade.

Essas palavras são bem importantes na hora da escolha, pois além da beleza, são elas que vão guiar uma compra consciente e eficiente. Para que isso de fato ocorra vamos pensar em todo o processo da compra. Começando pela beleza. Gostamos do sapato, experimentamos e pensamos em compra-lo, esse é o momento que devemos começar a pensar. Primeiro pensamos na necessidade, se precisamos, se já não possuímos algo parecido, e se realmente estamos na estação certa para usá-lo.

Foto: Pinterest

Após pensar na necessidade, a próxima etapa é a utilidade. Lembrar as roupas que possuímos no armário, como vamos combina-las e pensar nas possíveis ocasiões que podemos usa-los, são formas de definir a utilidade do sapato no momento. Caso ele tenha passado nessas duas etapas, por último, é legal dar uma olhada na qualidade, fator muito importante principalmente quando o assunto é sapato, pois eles devem ser macios, não machucar e possuir uma boa durabilidade. Entretanto, sabemos que a qualidade é o fator que encarece o produto, mas ela é muito importante, pois vai evitar que você tenha que comprar sapatos com frequência.

E comprando com uma frequência menor as chances de gastar muito dinheiro são poucas. Sendo assim, com esses 3 passos é possível perceber que comprar sapatos pode ser algo bem trabalhoso, no entanto, prazeroso, que nos faz experimentar vários tipos e estilos até achar o certo para comprar. E quando achamos, além de satisfeitas, ainda economizamos e evitamos que a sacola de roupas para doação fique lotada de roupas quase, ou até mesmo, nunca usadas.

Gostou do post? Deixe seu comentário!